Um/a Trabalhador/a viu-se forçado/a a pedir ajuda à ASSP em virtude de uma consequência de uma TDE - Transmissão de Estabelecimento que lhe tinha sido aplicado/a.

O/a trabalhador/a viu o seu posto ser alterado sem necessidade, sem o ter requisitado, tendo a supervisão indicado que era este quem decidia! As cartas que recebera, ambas mencionavam que se mantinham, "...o posto, a antiguidade, o vencimento..." e que "...nada mudava...".

O/a colega, solicitou o apoio da ASSP a qual, enviou dois oficios à entidade empregadora bem como, solicitou uma ação inspetiva da ACT.

Toda a situação foi resposta e o/a colega, retomou o seu local de Trabalho.